sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Julia e Julie: Muito barulho por muito pouco



Eu e o Pedro fomos assistir Julia e Julie ontem à noite. Eu estava bem ansiosa, já que o filme está super bem comentado nos blogs, muita gente falando bem, que virou fã da estória, que comprou o livro etc e eu saí do cinema meio decepcionada. Achei bem fraquinho e até meio cansativo.

A Meryl Streep, é claro, está ótima, mas já vi atuações dela bem superiores a esta. Às vezes, ela parece meio exagerada, sei lá, marido chegou a dizer que ela parecia estar bêbada. rs

O fato é que a estória da Julia Child é muito interessante e o filme se torna imensamente superior quando mostra a sua vida, já a Julie é meio sem sal, sem graça, uma pessoa comum, que resolve criar um blog porque está insatisfeita com a vida, mas também porque a amiga bem-sucedida tem um blog que faz sucesso. Sim, achei bacana que ela criasse um blog com um propósito – reproduzir mais de 500 receitas da Julia Child em 365 dias, mas é isso, não empolga, não anima e como foi muito incensado pelos blogs, achei que o blog teria mais espaço no filme, mas ela não interage com os leitores, é estranho – a única coisa que fica visível sobre quem visita o blog é que ela recebe em casa presentinhos/comida dos leitores e um amigo dela sugere que ela coloque o PayPal no site pra receber dinheiro, o que é recusado por Julie, ainda bem, era só o que faltava, né?

Bem, é isso – a Julia Child teve uma vida muito interessante e que realmente dá um filme, mas que se perdeu neste que, por exemplo, não fala nada sobre o programa de TV dela, só aparece uma ou duas cenas, mas sem entrar em detalhes sobre como começou, o que foi etc.

Ah, o filme mostra também que a Julia Child não aprovou a idéia do blog e não quis conhecer Julie, que então sofre, porque achava que com o blog teria a aprovação da Julia, uma coisa meio infantil, sabe?

Bem, é isso, eu tinha colocado o livro na minha listinha, mas já tirei, imagino que não valha a pena gastar meu rico dinheirinho com um livro escrito pela Julie Powell, já que ela me pareceu tão insossa no filme.

Tá, não é o fim, vale como diversão, mas é só, acho que alguns blogs erraram a mão no marketing, viu? Sei que a distribuidora do filme convidou blogueiras para assistí-lo em primeira mão e achei bacana a iniciativa, mas na minha modestíssima opinião, o filme não é tudo isso que estão dizendo, não.

16 comentários:

Elen disse...

Passando pra deixar um oi!!

Abraços cheirosos

Thaís Gouvêa disse...

Eu ainda não vi o filme mas tenho lido que o pessoal tem gostado muito.
Acho que o que acontece é que cada um vê o filme de uma forma e por isso que tem pessoas que gostam e outras nem tanto...Coisas de ponto de vista.
Fui ver Lua Nova (que tb tem um livro) e nunca é a mesma coisa. Os livros sempre são muito melhores e contam as histórias bem mais completas. Filme é muito reduzido :(
Bjuuuuus

Santinha disse...

vou levar muito em consideração sua opinião. Adoro a Mary Streep.
Depois que assitir te conto. Mas que dá um vazio depois da expectitativa isso dá.
bjus

Andreia disse...

fico encantada sempre que visito o seu blog!

Bom final de semana!

Tenho novidades no blog se quiser visitar! Bjs

http://andreia-arte.blogspot.com
http://deusarte-materiais.blogspot.com

chrises disse...

Olá!

Conheci seu blog há pouco, e já estou palpitando.

Sugiro que você leia sim o livro, porque eu acho que todo esse barulho é de gente que leu o livro, que é uma delícia, e enxergou no filme um pouco do livro.

Eu também achei meio fraco, também achei a MS com jeito de bêbada, mas curti pela lembrança do livro. E, tem mais: tudo o que você pensar do blog, tem que lembrar que ela escreveu na pré-história dos blogs, então, sim, a idéia era super-original!

ENfim, tá aqui meu palpite, mas valeu mais do que tudo para te dizer um oi, e que eu tenho gostado muito do seu blog!

Abraços

CHris

Lili disse...

Oi Claudia!
Eu AINDA não vi o filme, mas li o livro. Que no final das contas é sempre o que vale amis a pena.
O livro é engraçado, ela tem boas tiradas é escrachada (Julie), tem um certo tipo de humor. Talvez esse humor não agrade a todos, mas eu achei bacana.
Ainda acho que vale uma lidinha no livro - nem que vc consiga emprestado com alguém pra não ter q comprar (q foi o meu caso) - mas livro é sempre mais bacana né, filme sempre falta alguma coisa.
É claro que não é nenhum best seller, mas é bom pra dar umas risadas. :)
Bjks! ;)

Carol disse...

Também bão ouvi e nem li bons comentários sobre esse filme e nem despertou em mim nenhuma curiosidade nem mesmo antes disso.
Quero ver Lua Nova rsrs.
Beijos

Fabiano Mayrink disse...

Claudia tambem ja tinha visto na internet antes da blogosfera começar a comentalo,

ao ver o poster sem nem ler a sinopse me veio a mente um filme de drama e agora vc falando isso nem quero ir velo no cinema, e olha que eu adoro ir no cinema,

falando em filme, um filme que doeu minha cabeça foi o lua nova, nao sou fã da saga prefiro harry potter mais como ja tinha visto o crepusculo e ate gostei fui velo, nao sei se é pq tinha um cara "nojento" falando alto no cinema assuntos inuteis... e o povo gritanto... deve ser por isso mais o filme é seco,

um abraço!

calma que estou com pressa disse...

oi amiga! que decepão hein! tanto ibope prá nada!bom eu não fui convidada por eles para assistirem o filme - eles devem ter seus critéiors de escolha- mas quando li a istória resumida achei interessante - mas que deve ser maçante tb achei que seria -mas geralmente o livo é melhor que o filme!
até estes dias comentei cm várias pessoas - o que podíamos fazer para gravar nossos blogs em algum lugar para nossa lembranças - pq afnal aqui a gente põe um pouco de nós , nossas amigas que cometam... pq um dia a modernidade vai trazer outra coisa e ninguém vai querer saber blog! seria frustrante perder tudo! uma amiga me deu a ideia de passar tudo para um pendrive - pq tb achamos que os cd's estão com os dias contados - ela falou que até o cantor lenine - no show dele estava vendendo cd's, dvd e pen-drive com suas músicas - oh já esta começando!
bjs

Rosangela disse...

ola querida eu to louca pra ver o filme ,mas agora já não sei se vale a pena, mas acho que cada um tem uma opiniaõ a respeito do filme, mesmo assim valeu o comentario beijinhos e um ótimo final de semana.

fátima disse...

eu tinha lido o livro já há algum tempo, antes de saber que viraria filme, e gostei bastante.

agora estou relendo antes de assistir ao filme. está sendo engraçado pq agora as personagens tem rosto.

quando eu for ver o filme, te conto se gostei.

bj

Silvia - Coisitas disse...

Oi!
Tem declaração de afeto pra vc lá no Coisitas.
Passa lá!
Beijitos!

Ana B disse...

Claudinha, não vi o filme, mas já ficam duas referências - os dois lados, tão importante pra nós jornalistas hehehehe. bj

Carol_Fernandes disse...

Acabei de ver o filme e navegando pela internet vi a sua opinião do filme.
Olha não sabia do filme e me entusiamei pelos comentários que vi nos blogs.
Antes de assistí-lo achei a idéia interessante e estava super animada para vê-lo. Falando assim, até parece que não gostei, mas gostei muito.
Acredito que o segredo do filme para mim era porque era um projeto de vida (para um ano) e que ela teria que terminar pela primeira vez na vida. Quase desistiu mas consegue, no final.
A Julie nos mostra uma pessoal real que tem um blog que nem sabe se alguém lê e nem tem essa prentesão. Acho que agora todos querem ficar famosos com blogs, risos.
A Julia Child também é uma pessoa normal mas que queria mudar a cabeça das americanas. Já tinha um pouco mais de pretensão e talvez com a Julie Powell, ela tenha realizado o seu objetivo.
Concordo com você que o filme não entra muito no mérito se a Julia Child teria ou não gostado do projeto da Julie. Mas na minha opinião, elas não teriam que se preocupar com isso. Pois os projetos delas foram realizados a sua maneira. É o legal do filme! Conseguirão sair da pacatez da vida delas.
Abraços,
Carol

disse...

oi Claudia!
estava louca prá ver o filme, mas, ma minha cidade (interior) não está em cartaz ainda... vou aproveitar e ler o livro antes de sair em DVD. Beijokas

Leiliane disse...

Oi Cláudia,

Olha só, eu gostei muito do filme, principalmente da atuação da Meryl. Durante o filme achei meio estranho. Mas depois assisti vídeos da Julia Child (de verdade) no youtube e entendi tudo. A interpretação dela foi excepcional. Ela acaba de ganhar o globo de ouro por isso.